1. Home
  2. ››
  3. Associações
  4. ››
  5. Liga Portuguesa de Futebol Profissional

Liga Portuguesa de Futebol Profissional
Número de telefone

Liga Portuguesa de Futebol Profissional Numero Atendimento ao Cliente
+351 228 348 740
No votes yet

A Liga Portuguesa de Futebol Profissional, conhecida também simplesmente pelas iniciais LPFP, é a organização responsável pelo futebol nacional profissional, responsável pela organização da Primeira e da Segunda Liga, assim como da Taça da Liga. O seu sítio oficial da internet pode ser acedido através do endereço ligaportugal.pt.
Os serviços da LPFP estão disponíveis para contacto directo no seu edifício sede, ou por telefone, fax e endereço electrónico. A sua sede fia na cidade do Porto, nomeadamente no número 2555 da Rua da Constituição, apesar da LPFP ter também escritórios em Lisboa, no número 13D da Rua Castilho. Caso prefira utilizar o telefone, o número é o 22 834 87 40, disponível todos os dias úteis entre as 9 e as 19 horas. O contacto de fax é o 22 834 87 56 e o endereço electrónico o geral@ligaportugal.pt.
Morada em R. Constituição Gaveto R. Nuno Bragança - Escritor, 4200-000, Porto-Porto, Porto. Actividade da Liga Portuguesa De Futebol Profissional é Associações. Contacte-nos www.lpfp.pt

Liga Portuguesa De Futebol Profissional Contact Center, Liga Portuguesa De Futebol Profissional telefonar, Liga Portuguesa De Futebol Profissional contacte-nos, Liga Portuguesa De Futebol Profissional numeros de contacto, Liga Portuguesa De Futebol Profissional telefones, Liga Portuguesa De Futebol Profissional telefone assistência, Liga Portuguesa De Futebol Profissional telefonico

Comentários

Bom dia, venho por este meio dar conhecimento da forma indecurosa como o arbitro Jorge Sousa, no jogo real sc vs sporting cp b, se derigiu ai guarda redes da equipa visitante. Nao so esta acto em si é reprovavel, mas ai mesmo acresce a agravante de o jogo ter sido televisionado e certamente muitos jovens se terao apercebido de tal anormalidade. Gostaria de saber se é este o ''desporto'' que a LPFP quer?